24 de fevereiro de 2017

[K-Drama] Gu Family Book

E parece que eu estou postando alternadamente entre post de resenha e post do desafio. Vocês estão achando ruim?? Já era pra ter saído o post sobre o meu resumão dos últimos dias, mas vai ficar pra uma próxima (assim como o post com fotinhas do meu álbum novo).

Vamos á resenha!

Free Image Hosting at www.ImageShack.us

Título: Gu Family Book (구 가의 서)
Capítulos: 24
Ano / BN: 2013 / MBC

Image result for gu family book dam yeo wool

Lembram que eu disse em algum post perdido por aí, que eu só iria assistir dramas disponíveis no Netflix (com exceção de Hwarang)? Pois então, resolvi continuar com 'Gu Family Book'; esse drama tão aclamado por muitos e que fez geral chorar - não é pra menos: o negócio é mesmo de partir o coração.

Minha Sinopse
Gu Family Book se trata de duas histórias entrelaçadas entre si, mas ao mesmo tempo independentes. De um lado temos a vida de uma jovem que conhece um ser mítico, mas devido às suas crenças pessoais acaba por perder a chance de ser feliz; e do outro, temos um mocinho alegre e justiceiro, que tem como propósito de vida fazer tudo e todos serem felizes.

Personagens
Gu Wol Ryung (Choi Jin Hyuk): o ser mítico, guardião da natureza. Ele é um amorzinho e está sempre sorrindo (e que sorriso mais fofooooooo, tão diferente da sua personagem em The Heirs...). Ele vê, por acaso, a injustiça na vida de uma jovem, e se apaixona á primeira vista pela moça, mudando assim seus destinos pra sempre.

Image result for wol ryung smile gu family book

Yoon Seo Hwa (Lee Yeon Hee): a jovem que perdeu o pai injustamente e foi vendida como uma gisaeng (tipo uma prostituta) do Estado. Apesar de parecer fraca, ela está disposta a morrer para não ser usada conforme a vontade de outros. Ela me deu raiva em certo momento, mas não posso falar mais, senão seria spoiler.

Image result for yoon seo hwa gu family book

Choi Kang Chi (Lee Seung Gi): o nosso protagonista principal, todo feliz e sempre querendo tudo do jeito certo, apesar de sofrer preconceito por ser um filho adotado - já que seu pai o achou no rio. Um pouco precipitado, mas ao longo do drama melhora esse defeito ao conhecer pessoas maravilhosas que só querem seu bem.
O ator me surpreendeu e quero assistir todos os outros dramas com ele! Ex-namorado da Yoona (por favor, fiquem juntos pra sempreee); espero que ele continue fazendo sucesso quando voltar do exército!


Dam Yeo Wool (Suzy - miss A): a mocinha que não tem medo de nada e que prefere mil vezes uma espada á uma agulha de costura. Ela foi uma personagem interessante, exemplo de confiança (essa menina transbordava confiança no drama, sério, se eu tivesse uns 10% da confiança dela, eu tava feita) e destemor.

Image result for dam yeo wool

É óbvio que temos muuuuito mais personagens, mas citarei alguns abaixo, porque eles são bem peculiares e únicos, então eu teria que ter muito tempo pra escrever sobre cada um.

História Épica
Vou considerar Gu Family Book como meu primeiro drama épico por ser o primeiro que eu terminei de assistir (pois eu comecei a ver Hwarang antes de iniciar Gu Family Book) e só conseguia pensar na quantia de tempo que eu perdi por não ter assistido dramas épicos antes. Sério.
Como disse minha sunbae, o foco nos dramas épicos é o plot político, em que o acontecimento maior se desenvolve em questões da monarquia/governo, ou seja, quase uma epopéia. Lógico que temos comédia, romance, drama e etc, mas estou dizendo que o liga todos esses outros gêneros, é o plot da questão política. Deu pra entender?
Em Gu Family Book, temos traição e injustiça pra dar e vender. Temos pessoas sem integridade e que caem na lábia de qualquer um facilmente (o que me irritou MUITO) e a combinação espada&sangue pra tudo quanto é lado (era o jeito que eles resolviam tudo, nada funcionava na base da conversa, tinha que ter alguma morte, alguém ferido, um pouquinho de ameaça... Super normal, parecia até os dias de hoje - tirando as espadas).

 
 
 

O Romance
O que seria do ser humano sem o amor, não é mesmo? O que seria do ser humano sem se ferrar pelo amor, não é mesmo? Temos os dois lados da moeda em Gu Family Book, num jeito muito bem equilibrado pra gente sonhar um pouquinho. 
No drama, o romance não foi exagerado, pelo contrário, foi algo realista e que me fez imaginar uma situação dos nossos dias atuais alí. Tem cenas fofinhas, tem cenas dramáticas, tem cenas típicas dos k-dramas (aquelas longas encaradas, à lá Crepúsculo) e muito mais. Se você gosta de um bom romancezinho que é capaz de vencer até o mal, esse drama é pra você!


   

   


Os Vilões
Ou deveria dizer 'O' vilão, porque só teve um único cara que causou desgraça na vida de toooooodo mundo. Sério, eu cheguei até a ficar com raiva do ator (acho que ele merecia um prêmio de atuação, séríssimo), de tanta coisa ruim que ele fazia. Todas as milhões de vezes que eu surtei, esperneei, arranquei os cabelos, chorei, gritei sozinha foram causadas pela sua aparição na tela. O querido Gwan Woong (Lee Sung Jae) fazia as coisas do seu jeito, independente da vontade dos outros, ou seja, ele não conhecia a palavra empatia. O poder era tudo pra ele.


Os Efeitos Especiais
Wol Ryung e Kang Chi são seres míticos, mas apesar disso, o pessoal do CG não precisou fazer muito pra deixar tudo real, pois a maioria das coisas eram resolvidas com técnicas de iluminação, cabos de força pra fazer os atores "voarem", e lentes de olho especiais. Mesmo assim, achei legal comentar e destacar, porque não ficou algo forçado.
As cenas de luta são ótimas e temos que tirar o chapéu pros atores, que devem ter treinado muito para aprender a usar uma espada - ou no caso do Kang Chi, golpes com as mãos mesmo.




Image result for gu family book fight gif

Atores Secundários
Fiquei apaixonada pelo cast geral de Gu Family Book! Tenho certeza que vale super a pena assistir o drama só por causa deles, porque parece que todos foram escolhidos á dedo para seus papéis, tudo se encaixou!
Quero da ênfase para a querida Lee Yu Bi, que interpretou a filha da família que acolhe o Kang Chi, Chung Jo. Que. Menina. Fantástica. Dava pra sentir todas as emoções e quase entrar na história em todas as cenas dela, independente da situação que estava acontecendo. Ela também fez Pinocchio, pra quem não se lembra da moça.
Lee Do Kyung, como um dos quatro mestres, o Gong Dal. Um velinho engraçadinho e super carismático que ensinou muita coisa ao Kang Chi.
Yoo Dong Geun, como o almirante que acolheu o Kang Chi e lhe deu oportunidades para dar a volta por cima, quando tudo aprecia perdido e sem saída (o que aconteceu bastante, lhes aviso).
E Jung Hye Young como a chefe gisaeng, que pode revelar muitas surpresas no decorrer do drama....




As Músicas
Sinto informar, mas dessa vez colocarei apenas uma música nesse tópico, porque foi a única que fez tanto efeito a ponto de eu notar. O resto da Ost parecia tudo igual pra mim, então se vocês quiserem saber mais sobre o resto das músicas pesquisem aí, ok?

My Eden - Yisabel
Essa música é linda e é toda em inglês (só percebi quando fui olhar a letra) e tocava na abertura do drama e em alguns momentos específicos (aqueles que te fazem suspirar). 

Só achei com legenda em inglês, sorry :/

Pontos Negativos
Casinha das Gifs Não dá minha gente, a atuação da Suzy não melhora. Como atriz, ela é uma ótima cantora; o jeito é continuar fazendo CFs da vida e cantando, já que nisso ela é boa. Diveeersas cenas emocionantes, não me emocionavam de jeito nenhum justamente por causa dela. A moça não passava sentimento nenhum, parecia que ela estava com cara de 'poker face' o drama inteiro. Não é implicação minha, vejam bem, porque não foi só ela que decepcionou: o ator que interpretou o pai dela no drama também era péssimo. Se a Suzy não trazia emoção alguma para as cenas, o pai dela então... Fiquei indignada, dava até pra dizer que era de família só no drama que eles eram família, não se enganem.
Eu chorava de raiva e emoção nas cenas com outros atores; as cenas em que a mocinha aparecia (e que deveriam me levar às lágrimas) ficaram por desejar :(

Casinha das Gifs O final. Beeeeeem.... Eu até entendo o que eles quiseram fazer, o que eles quiseram mostrar, e de certa forma, o elenco num geral teve um final bom (espero eu). Eu só gostaria que tivesse sido diferente, queria que eles colocassem um "felizes para sempre" depois de tanto sofrimento durante o trama. Mas bem. Eu li pela internet algumas pessoas falando que gostaram, então fica a critério seu, quando você assistir, ok?
Outra coisa: as últimas cenas deixam em aberto para uma season 2 que nunca aconteceu...................

Casinha das Gifs O título: gente, até agora eu ainda não entendi porque o drama tem esse nome. Sério mesmo. Se esse livro da família Gu foi mencionado 3 vezes durante o drama todo, foi muito. Queria que eles explicassem algo sobre, de onde os gumilhos vêm, o que fazem porque existem, onde vivem, o que comem... Sexta, no Globo Repórter, brincadeira, desculpa, mas não, eles só jogaram o nome aí.
Aprendemos na faculdade que o título já deve mostrar sobre o que o seu texto/imagem/qualquer outra coisa queira falar, pro leitor/público-alvo ter ideia sobre o que vai ler/ver: o que não aconteceu aqui. Ponto negativíssimo!

Classificação: **** (quatro estrelinhas). Apesar do final, da atuação da Suzy e de alguns pequenos detalhes, o drama no geral é bom. Recomendo pra todo mundo, você vai se divertir - e CHORAR MUITO. 



O sorriso lindo do Seung Gi....

That's it. Achei essa resenha meio 'méh', mas não entendam como algo ruim. Como eu sempre falo: não gosto de spoiler. Abomino o spoiler. Então qualquer coisa que eu falar mais, vai ser spoiler, e novamente: eu gosto de ter surpresa em tudo, e quero o mesmo pra vocês!
Espero que a resenha tenha inspirado pelo menos um pouco, que vocês tenham vontade de assistir algum dia, beleza? Beleza.

Tchau e até o próximo post! :D

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo ao 'Dois Pontos'!
Obrigada por comentar!

Copyright © 2014 | Design e Código: Amanda Salinas | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo